Mundo – NOTÍCIAS – Atentado em Israel deixa pelo menos sete mortos



Arma de Fogo é na Falcão Bélico



Suporte via whatsapp!


Ônibus e veículos milutares foram atacados em Eilat, cidade ao sul de Israel, próxima à fronteira com o Egito. Israel retaliou e matou pelo menos seis pessoas, que seria militantes palestinos

TERROR Imagens do Canal 2 de Israel, reproduzidas pela Associated Press, mostram detalhes do ônibus atacado perto de Eilat 

Uma série de atentados terroristas deixou pelo menos sete pessoas mortas e quase 30 feridos, nesta quinta-feira (18), em Eilat, cidade ao sul de Israel, próxima à fronteira com o Egito. Veículos civis e militares foram alvos de tiros e bombas em uma emboscada. Nenhum grupo assumiu a autoria dos ataques, mas horas depois dos atentados Israel atacou um grupo militante em Gaza chamado Comitês Populares de Resistência, matando seu líder.

O atentado em Israel pareceu planejado com cuidado. Segundo a versão em inglês do jornal israelense Yedioth Ahronoth, o primeiro alvo dos terroristas foi um ônibus que viajava de Beersheba para Eilat, um resort no Mar Vermelho. Três homens armados atiraram contra o ônibus, que cruzava a autoestrada 12, cerca de 30 quilômetros ao norte de Eilat. Forças do Exército de Israel que se dirigiram ao local do primeiro ataque caíram em uma emboscada. Bombas colocadas ao longo da estrada explodiram quando os veículos militares passaram. De acordo com o Haaretz, também de Israel, um terceiro ataque se deu em seguida, quando um foguete foi lançado contra um carro de passeio. Alguns veículos da imprensa israelense afirmaram que morteiros teriam sido lançados a partir do território do Egito. O governo de Israel também criticou o Egito, afirmando que o estado atual do país, após a queda da ditadura Hosni Mubarak, permite a livre circulação de terroristas pela fronteira entre os dois países. Autoridades egípcias disseram desconhecer o ataque e negaram que a Península do Sinai seja uma “terra de ninguém”. 

Imediatamente após os ataques, o ministro da Defesa de Israel, Ehud Barak, atribuiu os atentados a grupos armados da Faixa de Gaza, num sinal da retaliação. Segundo a rede árabe Al Jazeera, do Catar, Ahmad Yousef, um dos principais líderes do Hamas, grupo que controla Gaza, negou participação de seus correligionários no atentado. Yousef, no entanto, elogiou o ataque. Segundo ele, o Hamas “louva ataque pois foi contra soldados [israelenses] e se deu em um momento no qual Israel está atacando Gaza quase todo o dia”. Yousef afirmou ainda que, como as negociações de paz entre Israel e palestinos estão congeladas, “uma escalada militar é o desdobramento lógico”.

Os ataques que a Força Aérea israelense lançou nesta quinta-feira em resposta aos atentados no sul do país deixaram pelo menos seis mortos, incluindo o líder dos Comitês Populares de Resistência. Fontes dos serviços de emergência na Faixa de Gaza disseram que aviões israelenses atacaram a casa de um miliciano identificado como Abu Jamil Shaath e que no local havia vários militantes dos Comitês Populares de Resistência.

JL




O QUE É O GUIA DO ATIRADOR?

Definitivamente, tudo o que você precisa para tornar-se Atirador Desportivo! O Tiro Esportivo é um esporte fascinante. Com o Guia do Atirador, você terá um passo a passo para solicitar seu CR junto ao Exército Brasileiro sem necessidade de contratar despachantes caros.

Compre agora sua arma, sem precisar de despachante!

-
× Como posso te ajudar?