Mundo – NOTÍCIAS – Paradeiro de Khadafi ainda é incerto



Arma de Fogo é na Falcão Bélico



Suporte via whatsapp!


O ditador da Líbia estaria cercado em seu quartel-general, no sul de Trípoli. Otan promete manter missão até que todas as tropas leais ao regime se entreguem

Os rebeldes líbios, que ocuparam, no domingo (21), boa parte da capital do país, Trípoli, continuam sem encontrar o ditador Muammar Khadafi na manhã desta segunda-feira (22). Khadafi aparentemente está escondido em seu quartel general, o complexo de Bab-al-Azizya, no sul de Trípoli, que está cercado por forças rebeldes e que deve ser atacado por bombardeiros da Organização do Tratado do Atlântico Norte.

Um porta-voz rebelde disse à emissora Al Jazeera que ainda persistem “bolsas de resistência dentro de Trípoli” e outro informou que “entre 15% e 20%” da cidade continua sob controle do regime. A rede de televisão do Catar também informou nesta segunda que por volta das 5h30 (horário local, 2h30 de Brasília) carros de combate tinham saído de um dos recintos presidenciais e estavam bombardeando um dos bairros da capital. Enquanto isso, milhares de pessoas se concentravam na Praça Verde, agora rebatizada informalmente de Praça dos Mártires, para celebrar a vitória da rebelião.

Nesta segunda-feira, a Otan afirmou que manterá sua missão na Líbia até que todas as forças leais ao regime de Khadafi tenham se rendido.

Desde o início da operação, em 31 de março, a Otan fez 19.877 voos sobre a Líbia, incluindo 7.505 ataques contra alvos militares chave do regime de Trípoli. Só no domingo, a Aliança Atlântica realizou 126 voos e 46 ataques. Pelo último comunicado da Otan na Líbia, no domingo a operação atacou e destruiu nos arredores de Trípoli três centros de comando e controle, uma instalação militar, dois radares, nove plataformas de lançamento de mísseis terra-ar, um tanque e dois veículos blindados. Na cidade de Bin Ghashir mais um radar foi eliminado, enquanto em Al Aziziyah outras três plataformas lançamento de mísseis terra-ar também foram extintas.

A Bélgica, que participa da operação militar na Líbia com seis F-16, explicou nesta segunda-feira que nas últimas 72 horas fez 16 voos de três horas cada. O ministro de Defesa belga, Pieter De Crem, considerou em declarações à rádio pública flamenga “VRT” que foram esses ataques que estão permitindo a queda do regime. “É o que a Otan havia decidido”, acrescentou e precisou que houve duas missões de bombardeio, mas recusou-se a dar mais detalhes. O objetivo das operações é “destruir o comando e as comunicações das forças leais ao coronel Khadafi” e “isolar as tropas do governo”, segundo De Crem.

O secretário-geral da Otan, Anders Fogh Ramsussen, afirmou no domingo à noite em comunicado que o regime de Muammar Kadafi está “claramente desmoronando”, e sustentou que o líder líbio “não pode vencer a batalha” contra seus próprios cidadãos. Rasmussen pediu à Líbia que permita uma transição pacífica e explicou que a Otan vai continuar acompanhando os movimentos das unidades militares e as instalações chaves, e se perceber uma ameaça contra os líbios reagirá de acordo com o mandato concedido pelo Conselho de Segurança da ONU para proteger aos civis.

Ressaltou que serão os líbios quem decidirão sobre o futuro de seu país e a comunidade internacional deve apoiá-los. Neste contexto, a ONU e o Grupo de Contato sobre a Líbia devem ter um papel importante. A Otan sempre sustentou que em um cenário pós-Khadafi o organismo não deve assumir um papel dominante na transição.

JL




O QUE É O GUIA DO ATIRADOR?

Definitivamente, tudo o que você precisa para tornar-se Atirador Desportivo! O Tiro Esportivo é um esporte fascinante. Com o Guia do Atirador, você terá um passo a passo para solicitar seu CR junto ao Exército Brasileiro sem necessidade de contratar despachantes caros.

Compre agora sua arma, sem precisar de despachante!

-
× Como posso te ajudar?