Rapaz é acusado de agredir companheira após ela se negar a comprar drogas

Um rapaz de 18 anos foi preso pela Polícia Militar, na tarde de sexta-feira (5), após uma denúncia de extorsão contra um usuário de entorpecentes na Vila São Carlos, em Paranaguá.

Na ação foi apreendido um revólver calibre 38, que teria sido usado para ameaçar a vítima e seus pais.

A ação policial teve início por volta das 17h30, quando uma equipe da PM foi acionada pela Central de Operações do 9º Batalhão por um homem de 33 anos, o qual relatou ser dependente químico.

Ele contou que na noite anterior havia se deslocado até um bar, na Vila São Carlos, onde fez uso de drogas e deixou sua motocicleta como garantia de pagamento da drogas utilizada.

O homem disse também que na sexta-feira retornou, acompanhado de seus pais, para pagar a dívida, em torno de 300, mas o responsável por lhe passar a drogas negou-se a devolver a moto.

Ainda de acordo com o relatado pelo homem, o rapaz, portando uma arma de fogo, ameaçou ele e seus pais, exigindo a quantia de R$ 8.000 para entregar o veículo.

A vítima então acionou a PM, que foi até o endereço repassado e localizou a motocicleta no interior do bar.
No local foi encontrado um rapaz, o qual, ao perceber a movimentação policial, fugiu para os fundos do comércio e entrou em uma casa, anexa ao estabelecimento, mas acabou localizado em um banheiro.

Ao ser questionado pelos policiais sobre as acusações o jovem alegou que não sabia de nada.

Durante uma busca no local, em um dos cômodos da moradia, foi localizado um revólver calibre 38 com numeração suprimida.
No momento em que a equipe estava saindo da residência, chegou Regivan Miranda Silva, de 18 anos, que informou ser o morador da casa e disse que a motocicleta era sua, mas alegou não possuir a documentação.

Regivan acabou identificado como o suspeito que fez as ameaças e exigiu a alta quantia em dinheiro para devolver a motocicleta.

Diante dos fatos, ele e o outro rapaz foram encaminhados para a 1ª Subdivisão Policial de Paranaguá para que fossem adotadas as devidas providencias. Também foi entregue na delegacia a motocicleta e a arma de fogo.

A ocorrência foi registrada pela Polícia Militar como extorsão e posse de arma de fogo com sinal adulterado.



Arma de Fogo é na Falcão Bélico



Suporte via whatsapp!





O QUE É O GUIA DO ATIRADOR?

Definitivamente, tudo o que você precisa para tornar-se Atirador Desportivo! O Tiro Esportivo é um esporte fascinante. Com o Guia do Atirador, você terá um passo a passo para solicitar seu CR junto ao Exército Brasileiro sem necessidade de contratar despachantes caros.

Compre agora sua arma, sem precisar de despachante!

-
× Como posso te ajudar?